Casal de ladrões de bancos de Campo Grande cai após noitada de luxo e sexo em motel de SP

Gastaram R$ 700 em uma noite no motel antes de serem presos pelo Garras

0

Andréia Pereira dos Anjos de 22 anos e Juan Daniel da Silva Capuzeello de 30 anos foram presos na última segunda-feira (25), por equipes do Garras em um motel, em São Paulo. Eles fizeram vários roubos a agências bancárias em Campo Grande.

As investigações sobre os roubos começaram há duas semanas, quando vários boletins de ocorrência foram feitos por causa dos furtos aos bancos. Em Campo Grande foram sete agências e possivelmente mais duas no interior do Estado.

A dupla usava madeira de MDF e fita adesiva dupla face, fabricados por eles mesmo, para ‘pescarem’ os envelopes depositados. Eles sempre agiam nos fins de semana, já que os envelopes só seriam recolhidos no próximo dia útil.

Das agências bancárias de Campo Grande, os bandidos levaram R$ 40 mil, que não foram recuperados pela polícia. O casal foi encontrado em um quarto de motel em São Paulo. Eles teriam gasto em uma noite no local R$ 700.

Segundo o delegado João Paulo Sartori, Andréia era encarregada de fazer toda a operação logística dos furtos, como compra de passagens para os dois irem até as cidades. Ela ainda ficava com 15% de todo dinheiro levado. Andréia seria amante de Juan Daniel.

Eles também são suspeitos de terem furtado agências em duas cidades de Santa Catarina, cinco no Paraná e possivelmente em cidades do Nordeste, que ainda está sob investigação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here