Atvos, controlada pela Odebrecht, entra com pedido de recuperação judicial

Empresa do setor sucroenergético deve R$ 13 bilhões; é a primeira controlada do grupo a solicitar à Justiça essa proteção

0

A Atvos , empresa do setor sucroenergético controlada pelo Grupo Odebrecht , entrou nesta quarta-feira com um pedido de recuperação na Justiça de São Paulo. A companhia tem uma dívida de R$ 13 bilhões, é a primeira do grupo a recorrer ao mecanismo de recuperação com proteção judicial. A holding, em comunicado aos funcionários, afirmou que a medida não envolve outras empresas do grupo.

“A iniciativa da Atvos preserva suas operações e visa garantir ambiente seguro e estável para o equilíbrio das suas contas, objetivando alcançar a sua capacidade máxima de produção nos próximos anos”, afirmou, em nota, Luciano Guidolin, presidente do Grupo Odebrecht.

“Estamos confiantes em que a Atvos, com esta proteção judicial, chegará no final desse processo a uma solução que atenda os interesses tanto dos seus credores quanto os da empresa, permitindo-lhe retomar a trajetória de crescimento que a marcou desde a sua criação, em 2007”, acrescentou o executivo na nota.

As demais empresas do Grupo Odebrecht atuam nos setores de engenheira e construção, indústria, imobiliário, infraestrutura e energia.

Caso a justiça acate o pedido, a cobrança das dívidas da empresa ficará suspensa e a Atvos terá 60 dias para apresentar o plano de recuperação judicial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here